Criação do PSD agrava crise interna no governo e José Dias critica desistentes

4
out

O mal-estar gerado entre o governo Rosalba Ciarlini (DEM) e o grupo do vice-governador Robinson Faria (PSD) se agravou e movimentou o cenário político (mesmo que ainda no campo dos bastidores) durante o final de semana e feriado desta segunda-feira. Ontem, Robinson, que é presidente estadual do PSD, dedicou parte do dia em conversas para evitar um esfacelamento em massa do grupo que há poucos dias dava-se como certa a filiação à nova legenda.

Sobre os desistentes, o deputado José Dias (foto) fez duras críticas. “Essa vergonha eu não darei aos meus eleitores, nem aos meus pais – que já morreram, e nem ao meu filho. Meu eleitorado não vai me cobrar dignidade. Não me elegi para me vender. Meu mandato vale muito pouco, mas não está à venda”, esbravejou o ex-peemedebista ao reafirmar o ingresso no PSD.

Da Tribuna do Norte

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.