Geraldo Jr

21
fev

NELTER QUEIROZ COBRA MELHORIAS PARA O CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL EM ALTO DO RODRIGUES

Em contato com a titular da Secretaria Estadual da Educação e da Cultura (SEEC), Cláudia Santa Rosa, nesta quarta-feira (21), o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) cobrou melhorias para o Centro Estadual de Educação Profissional Professora Maria Rodrigues Gonçalves, localizado em Alto do Rodrigues, que atende cerca de 120 alunos da zona rural do município.

Na oportunidade, o parlamentar fez dois pleitos importantes à gestora. Primeiro, solicitou urgência na reativação da energia elétrica do prédio da Escola, uma vez que o início do ano letivo da Instituição foi adiado para Março, justamente por não haver energia elétrica no prédio. Segundo, que a SEEC oferte merenda digna aos estudantes da Instituição – que faz parte de uma seleta rede de instituições no Estado que oferecem ensino em tempo integral – uma vez que o valor per capita das refeições foi reduzido por aluno.

“Também cobrei à secretária que a Secretaria forneça equipamentos aos laboratórios de informática do Centro de Educação Profissional, isso, para que os alunos do curso técnico de informática tenham as condições mínimas de estudo”, frisou o parlamentar, destacando também que requerimentos neste sentido foram enviados à SEEC e também à COSERN, solicitando a concretização destas demandas.

 

21
fev

PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA RECEBE RELATÓRIO DE ATIVIDADES DO TRIBUNAL DE CONTAS

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), recebeu, na manhã desta quarta-feira (21), o Relatório de Atividades do Tribunal de Contas do Estado (TCE) relativo ao quarto trimestre de 2018. O documento foi entregue pessoalmente pelo presidente do tribunal, Gilberto Jales, que estava acompanhado dos conselheiros Poti Cavalcanti e Tarcísio Costa.

Ao receber o relatório, Ezequiel Ferreira afirmou que, diante do momento econômico pelo qual passa todo o País, a Casa também tem feito a sua parte: “Assim como todos os demais entes, o Legislativo tem apresentado caminhos para superar a crise econômico-financeira que não está localizada no Rio Grande do Norte, mas é reflexo de um cenário nacional. Desde 2015 que a Assembleia vem contribuindo com ações de economicidade ao longo do exercício”, afirmou o presidente, salientando que a atual gestão persiste no caminho da austeridade nos gastos, redução de despesas e mais transparência.

Os deputados Tomba Farias (PSB), Vivaldo Costa (PROS) e Raimundo Fernandes (PSDB) também estavam presentes, além do secretário geral do Legislativo do RN, Augusto Carlos Viveiros.

No documento, uma obrigação constitucional, estão os números da atuação do Tribunal durante o período de outubro a dezembro de 2017, incluindo todas as atividades no âmbito de sua atuação.

Gilberto Jales também entregou ao presidente Ezequiel Ferreira exemplares do programa de sustentabilidade que o Tribunal está executando e destacou a importância da iniciativa.

21
fev

SENADOR SE DIZ ARREPENDIDO E PEDE DESCULPAS A DILMA POR TER VOTADO A FAVOR DO IMPEACHMENT

Foto: Jefferson Rudy / Agência Senado

O senador Telmário Mota (PTB-RR) afirmou em plenário nesta terça-feira (20) que o maior erro de sua trajetória parlamentar foi ter votado a favor do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), 31 de agosto de 2016. Com firmes críticas à atuação de Michel Temer (MDB) em relação a Roraima, seu reduto eleitoral, Telmário foi à tribuna manifestar seu descontentamento.

“O maior equívoco político da minha vida foi eu ter votado a favor desse impeachment. Agora eu percebo que eu coloquei uma quadrilha ali que hoje está contra o meu estado”, afirmou o roraimense. Para o senador, a gestão Temer abandonou o estado de Roraima, que sofre uma crise migratória de consequências preocupantes, com dezenas de milhares de imigrantes vindos da Venezuela.

O estado do senador recebe, diariamente, imigrantes venezuelanos que chegam ao Brasil pela fronteira com Roraima para buscar uma vida melhor no país. A prefeitura da capital do estado, Boa Vista, estimava, no início de fevereiro, que cerca de 40 mil venezuelanos tenham entrado na cidade, número que equivale a mais de 10% da população da cidade (aproximadamente 330 mil habitantes).

Telmário também reclamou que o governo federal não se movimentou para interligar o estado ao sistema elétrico nacional e que o Incra se recusa a assinar um acordo de cooperação para a implementação do Cadastro Ambiental Rural. A estimativa é que o acordo beneficiaria cerca de 25 mil famílias.

Para o senador, Dilma dava mais apoio ao estado. “Quero aqui até de público pedir a minha desculpa, Dilma, porque você foi a melhor presidenta pro meu estado”, discursou Temário, que mudou seu voto na semana da última votação do impeachment alegando arranjo partidário estadual com vistas às eleições municipais de 2016.

Congresso em Foco, com informações da Agência Senado

21
fev

CURRAIS NOVOS SERÁ UM DOS MUNICÍPIOS CONTEMPLADOS COM O PROGRAMA “INFOVIA POTIGUAR”

Internet de banda larga de alta velocidade e de graça para escolas, hospitais e órgãos públicos, ou à um preço reduzido para a população que não tem acesso, são alguns dos benefícios propostos pelo programa federal “Internet Para Todos”, que foi lançado no Estado em solenidade nesta terça-feira (20) na Escola de Governo, em Natal, com a presença de autoridades como o Governador Robinson Faria, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, além de prefeitos e secretários de educação. O Prefeito Odon Jr participou da solenidade ao lado do secretário municipal de educação, Jorian Santos. Na ocasião, o ministro Kassab assinou um acordo de cooperação técnica entre o Estado e o Ministério para a implantação do projeto “Infovia Potiguar”, que levará internet de banda larga de alta velocidade para o interior, e que neste ano interligará algumas cidades, como Currais Novos, Assu, Mossoró e Santa Cruz.

“Quero agradecer ao Governo Estadual e Governo Federal por incluírem Currais Novos no projeto Infovia Potiguar dentre os 5 municípios do RN escolhidos. É um investimento importante para a nossa cidade que é uma referência na área de comunicação e informação no RN e esses projetos vão incluir ainda mais pessoas e famílias na era digital e no acesso a outras fontes de informação”, comentou o Prefeito Odon Jr.

O programa “Internet Para Todos” poderá beneficiar todos os municípios potiguares através de convênios com as prefeituras, que indicarão as localidades a receberem o serviço e assinam o termo de adesão.

21
fev

MEGA-SENA PODE PAGAR R$ 3 MILHÕES NESTA QUARTA

Mega-Sena pode pagar R$ 3 milhões nesta quarta (21) (Foto: Heloise Hamada/G1)

O concurso 2.016 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) desta quarta-feira (21) na cidade de Campo Belo (MG).

Para apostar na Mega-Sena

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

21
fev

O ritmo de toque de caixa que marca o início da intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro ateou desconforto na cúpula das Forças Armadas. Em privado, os militares se queixam do excesso de improviso. Preferiam que o planejamento tivesse precedido o anúncio da novidade. Receiam que o trabalho a ser executado sob o comando do general-interventor Walter Braga Netto seja utilizado para fins político-eleitorais.

Sob o compromisso do anonimato, um oficial declarou ao blog: “Acionados nos termos da Constituição, estamos cumprindo nossa missão, como de hábito. Fazemos isso para servir ao país, não a interesses políticos. As Forças Armadas se confundem com o próprio Estado. Não seria aceitável que fossem utilizadas para fins eleitorais. Com razão, costuma-se dizer que militar não deve se meter em política. Do mesmo modo, não convém politizar ações militares.”

De acordo com o decreto editado por Temer e aprovado pelas duas Casas do Congresso, a intervenção vai durar até 31 de dezembro, último dia do atual governo. Com base na experiência de operações convencionais de manutenção da ordem, os militares avaliam que, num primeiro momento, o surto de violência que inquieta os cariocas será sedado pela presença das tropas e pelo refinamento da colaboração com as forças policiais do Estado.

Operadores políticos de Temer imaginam que esse efeito anestésico pode retirar a imagem do presidente da UTI, vitaminando seu projeto eleitoral. Desde que decidiu guindar a segurança pública à condição de prioridade, na terça-feira de Carnaval, Temer não dá nem “bom dia” sem se consultar com marqueteiros. É indisfarçável a pretensão do presidente de extrair dividendos eleitorais da intervenção no Rio. Embora já tenha sido alertado sobre o incômodo dos militares, Temer parece dar de ombros. Encomendou uma pesquisa para avaliar os humores do eleitorado.

Josias de Souza

21
fev

PF PEDE PRORROGAÇÃO AO STF DE INQUÉRITO CONTRA TEMER

O delegado Cleyber Malta Lopes, da Polícia Federal, pediu nesta terça-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF) a prorrogação por 60 dias do inquérito dos portos, a única investigação em curso contra o presidente Michel Temer, afirmou à Reuters um fonte familiarizada com as investigações.

Caberá ao ministro do Supremo Roberto Barroso decidir se aceita ou não o pedido da PF. O pedido de prorrogação era esperado, uma vez que há uma série de diligências a serem cumpridas ainda, segundo a fonte.

Essa investigação está envolta em polêmica desde que o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, disse em entrevista exclusiva à Reuters que não tinha encontrado indícios de corrupção no inquérito dos portos e indicou tendência de arquivamento do mesmo. Ele também destacou que o delegado responsável pelo caso pode ser questionado pela Corregedoria da PF e até mesmo punido pelos questionamentos feitos a Temer, se houver uma reclamação formal da parte do presidente.

As declarações de Segovia geraram forte reação interna de delegados da PF, entre outras autoridades.

Na segunda-feira, após ter sido intimado por Barroso a se explicar, Segovia disse ao ministro do STF que não quis “em momento algum” interferir no andamento do inquérito dos portos, antecipar conclusões ou induzir o arquivamento do caso.

A íntegra das declarações de Segovia ao ministro do STF não foram divulgadas. Em um despacho no qual resumiu o encontro, Barroso relatou que o diretor-geral da PF apresentou-lhe um ofício no qual prestou esclarecimentos sobre a entrevista concedida à Reuters e amplamente divulgada pela imprensa. Também apresentou a transcrição da entrevista ao ministro do Supremo.

Na linha de defesa que adotou após os desdobramentos da entrevista, Segovia disse que “suas declarações foram distorcidas e mal interpretadas”, segundo o relato de Barroso.

Disse que “em momento algum pretendeu interferir no andamento do inquérito, antecipar conclusões ou induzir o arquivamento”. Também disse que “não teve a intenção de ameaçar com sanções o delegado encarregado, tendo também aqui sido mal interpretado”. Por último, afirmou que “se compromete a não fazer qualquer manifestação a respeito dos fatos objeto da apuração”.

Após o breve relato das considerações feitas por Segovia no despacho, Barroso determinou que a manifestação escrita dele seja juntada ao inquérito dos portos. Ele decidiu remeter cópia das declarações à PF, onde se encontram os autos da investigação.

O ministro do Supremo também decidiu dar ciência das declarações ao Ministério Público Federal, órgão responsável por conduzir as investigações.

Terra

 

21
fev

CONGRESSO APROVA DECRETO E AUTORIZA INTERVENÇÃO FEDERAL NO RIO

O Congresso aprovou no fim da noite desta terça-feira, 20, o decreto que autoriza a intervenção federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro. Depois de a Câmara dar o aval, foi a vez de o Senado chancelar a medida por 55 votos a favor, 13 contra e uma abstenção.

Por se tratar de um decreto presidencial, a intervenção já está em vigência desde sexta-feira, quando a medida foi assinada pelo presidente Michel Temer (MDB). Coube aos parlamentares apenas dizer se aceitavam ou não a decisão, sem ter o direito de fazer modificações no mérito da proposta.

A medida terá validade até 31 de dezembro. Neste período, o Congresso não pode fazer alterações na Constituição. Enquanto estiver em vigor, o general Walter Braga Netto, do Comando Militar do Leste, será o interventor no Estado e terá o comando dos aparelhos de segurança do Rio, como as Polícias Civil e Militar.

Estadão Conteúdo

20
fev

KELPS LIMA COBRA POSIÇÃO DO GOVERNO SOBRE PAGAMENTO DO DÉCIMO TERCEIRO

O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) cobrou, na sessão plenária desta terça-feira (20), na Assembleia Legislativa, posicionamento do Governo do Estado em relação ao pagamento do décimo terceiro salário dos servidores públicos estaduais. O deputado ressaltou que vem sendo questionado pelos servidores sobre o pagamento e sobre como ele será feito.

“Quando será pago o décimo terceiro dos servidores do Estado?”, questionou o deputado, lembrando que o benefício não é fruto de um mês de trabalho, mas de um ano inteiro. Para o deputado, muitos servidores fizeram empréstimos para serem quitados com o décimo terceiro e tiveram que fazer outro empréstimo para quitar a dívida com o banco. “O resultado disso é que o funcionário recebeu adiantado um décimo terceiro e vai ter que pagar dois”, criticou Kelps Lima.

Para o deputado, além do direito e da condição, os servidores também questionam sobre a lei aprovada pela Assembleia Legislativa durante a convocação extraordinária e que garantia a criação de um abono de 12,46% para pagamento dos juros a quem decidisse pelo décimo a partir de um empréstimo. “O que está faltando para o governador sancionar a lei e pagar a primeira parcela do abono dentro dos salários de janeiro?”, questionou mais uma vez o deputado, ressaltando que a lei do abono foi a única aprovada “100% como o governador queria”, sem emendas e com dispensa de tramitação. “Mas foi a única matéria que o governador nem sancionou nem vetou. Será que Robinson vai dar mais esse calote no servidor?”.

O pronunciamento do deputado Kelps Lima foi aparteado pelos colegas Larissa Rosado (PSB), Márcia Maia (PSDB), Carlos Augusto Rosado (PSD), Gustavo Fernandes (PMDB), George Soares (PR) e Getúlio Rêgo (DEM), todos se somando à preocupação do parlamentar em relação ao pagamento do benefício dos servidores públicos do Estado. “Essa é uma posição que só quem pode dar é o Governo”, disse Larissa, abordada no final de semana pela população de Mossoró. “Cumprimos nossa parte aqui na Assembleia Legislativa durante todo o mês de janeiro e o secretário de Administração vem culpar a Assembleia Legislativa?”, criticou Márcia, que repreendeu o Governo por não se planejar.

Segundo Carlos Augusto, “o governador não deu resposta a um projeto criado por ele mesmo e a Assembleia tem contribuído sim”. “Registro minha indignação contra a falta de pagamento do décimo terceiro”, concluiu Carlos Augusto, seguido pelo discurso também indignado do deputado Gustavo Fernandes. “O que passa na cabeça do governador?”, perguntou Gustavo, ressaltando que em três anos de gestão, Robinson Faria só tem olhado para o retrovisor. “Ele hoje tem índices de rejeição irreversíveis e cristalizados e não tem mais a confiança desta Assembleia Legislativa”, afirmou o deputado. “Só pensa em ser candidato à reeleição e esqueceu os salários e a segurança. Esse governador não tem mais condição de permanecer onde está”, disse o deputado do PMDB.

Ainda nos apartes ao pronunciamento do deputado Kelps Lima, George Soares somou sua cobrança a dos demais parlamentares e criticou os projetos encaminhados pelo Governo para a Assembleia no que ele entendeu como “desastrosa convocação extraordinária”. Concluindo a série de apartes, Getúlio Rêgo repetiu as críticas feitas por Kelps em seu pronunciamento e reforçou o apelo ao governador e ao secretário de Administração em relação ao pagamento do décimo terceiro.

20
fev

NELTER FAZ PLEITOS AO GOVERNO DO ESTADO VISANDO MELHORIAS PRA CAICÓ

Nesta terça-feira (20), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN), o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) encaminhou solicitações à Secretaria Estadual de Educação e Cultura (SEEC) e ao Departamento Estadual de Trânsito do RN (DETRAN/RN) buscando viabilizar benefícios para o município de Caicó.

Para a SEEC, o parlamentar reiterou cobranças feitas em março e setembro de 2017 no que tange a recuperação da estrutura física da Escola Estadual Professor Antônio Aladim de Araújo, com o intuito de que os alunos da Instituição possam iniciar o mais breve possível o ano letivo de 2018. Já o segundo pleito, este emitido à direção-geral do DETRAN/RN, Nelter solicitou que o Órgão continue a atender o público – na unidade de Caicó – em dois turnos, conforme já ocorre atualmente.

“Ambos os pleitos são de grande importância não só para os caicoenses, mas também para os demais seridoenses residentes no município e para os que se deslocam diariamente para Caicó, e que necessitam dos serviços oferecidos pela Escola Estadual Professor Antônio Aladim de Araújo e pelo DETRAN”, destacou o deputado.

20
fev

VICE-PREFEITO ANDERSON ALVES PARTICIPA DE REUNIÃO PARA DEFINIR DATA DA EXPONOVOS 2018

O Vice-Prefeito de Currais Novos, Anderson Alves, acompanhado da secretária municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Abastecimento (SEMAAB), Fátima Barros, participou na tarde desta segunda-feira (19) na sede da Secretaria Estadual de Agricultura e Pecuária (SAPE) em Natal, de reunião sobre a definição do calendário de exposições agropecuárias de 2018. Anderson Alves apresentou os resultados da edição 2017 da EXPONOVOS e as perspectivas de avanço no evento deste ano, e sugeriu que a exposição aconteça nos dias 4, 5 e 6 de maio, otimizando assim a parceria da Prefeitura com os órgãos organizadores, além de adequar o evento à programação anual de eventos do município.

Participaram da reunião, o secretário da SAPE, Guilherme Saldanha, e os representantes da EMATER, EMPARN, das associações de criadores, AGN, Banco do Brasil e Banco do Nordeste, prefeitos e secretários de alguns municípios. “Cobrei da presidente da EMATER, Dra Cátia, a distribuição dos kits com máquinas ensiladeiras, forrageiras, empacotadeiras de feno e carroção de trator para o município, um auxílio necessário aos criadores na produção e armazenamento de forragem durante esse período chuvoso”, disse Anderson, que foi informado que os equipamentos já foram adquiridos e estão aguardando ser entregues às regionais da EMATER. De acordo com a Secretaria Estadual de Agricultura, em breve será apresentado o cronograma completo do calendário de feiras e exposições agropecuárias no RN em 2018.

20
fev

SECRETARIA DE OBRAS REALIZARÁ MUTIRÕES DE LIMPEZA E TERRAPLANAGEM EM DIVERSOS BAIRROS

A Prefeitura de Currais Novos por meio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos (SEMOSU) organizou um cronograma de mutirões de limpeza e terraplanagem em alguns bairros da cidade que acontecerão entre março e maio.

Confira o cronograma:

Bairro Radir Pereira: 05 de Março à 16 de março

Bairro Alto de Santa Rita e Paizinho Maria: 19 de março à 30 de março

Bairros Parque Dourado, José Dantas e Dr. José Bezerra: 02 de abril à 13 de abril

Bairro JK: 16 de abril à 27 de abril

Bairro Sílvio Bezerra: 30 de abril à 11 de maio

20
fev

INSCRIÇÕES PARA O PROJETO AABB COMUNIDADE ACONTECEM ATÉ O DIA 02 DE MARÇO NOS CRA’S FÁTIMA BARBOSA E TETÊ SALUSTINO

A Prefeitura de Currais Novos através da Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social (SEMTHAS) dá início nesta terça-feira (20) as inscrições de crianças e jovens entre 06 e 17 anos e 11 meses que estudam na rede pública de ensino que desejam participar das atividades do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da “AABB Comunidade”. As inscrições acontecem até o dia 02 de março nos CRAS – Centro de Referência em Assistência Social, Fátima Barbosa (Rua do Plutônio, JK, vizinho à SEMTHAS) e no Tetê Salustino (Rua Primo Martins, 33), de segunda à sexta-feira entre 7h e 11h, e das 13h às 17h.

O projeto “AABB Comunidade”, que tem como principal parceiro o Banco do Brasil, tem como principal objetivo ampliar o acesso das crianças e jovens às ações e atividades esportivas, culturais e educativas, desenvolvendo assim habilidades e incentivando a socialização e a convivência comunitárias destes jovens. Em 2017, 300 alunos participaram das diversas atividades realizadas pelo projeto.

20
fev

AÇUDE COREMAS ESTÁ COM MAIS DE 26 MILHÕES DE METROS CÚBICOS D’ÁGUA, E MÃE D’ÁGUA COM 15 MILHÕES

De acordo com informações da AESA, o atual volume do Açude Estevam Marinho, na cidade de Coremas é de 26 milhões, 027 mil e 276 metros cúbicos d’água, o equivalente a 4,40% de sua capacidade total, que é de 591 milhões, 646 mil, 222 m3. O reservatório aumentou 68 cm de lamina d’água nas últimas 24 horas, significando quase 03 milhões de metros cúbicos. Os dados são desta terça (20).

Com relação a Mãe D’água, também localizado e Coremas, o atual volume é de 15 milhões, 399 mil e 930 metros cúbicos, o que corresponde a 2,71% de sua capacidade total, que é de 567 milhões, 999 mil, 13 metros cúbicos. Os dois açudes estão na Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu.

20
fev

MÉDICO FERIDO EM ASSALTO FAZ DIRETORA DO WG EXPOR SITUAÇÃO DE CAOS DO HOSPITAL

A entrada do médico David Valério ontem no Walfredo Gurgel, fez a diretora do hospital fazer um alerta à população: “A situação do Walfredo está terrível, não tem uma única sala desocupada. Vinte e um pacientes dentro do centro cirúrgico com todas as salas ocupadas. É pedir a Deus e todo mundo fique em casa porque o centro cirúrgico do Walfredo nesse exato momento, estão me dizendo, está sem condição de entrar ninguém para cirurgia”, disse Fátima Pinheiro em um áudio que se espalhou pelas redes sociais.

No áudio a secretária afirmava que, como se tratava de fratura em membro superior, o médico poderia ser tratado no hospital.

David foi atingido por uma bala durante assalto a uma granja no município de Macaíba onde 3 pessoas foram atingidas, entre elas uma criança de 8 anos.

Todos passam bem.

Thaisa Galvão

20
fev

EX-PROCURADOR PREPAROU MATERIAL QUE SELOU DELAÇÃO DA JBS

Marcello Miller organizou o material que, apresentado à PGR, selou a delação da JBS. A informação consta em registros feitos pelo ex-procurador. Em anotação sobre 27 de março de 2017, ele diz: “reunião Fernanda e preparação do material para reunião com o MPF”. Fernanda é Fernanda Tórtima, advogada que assina a colaboração dos Batistas. No dia seguinte, 28, Joesley entregou seu grampo com Aécio Neves (PSDB-MG) e firmou termo de confidencialidade com Rodrigo Janot.

A agenda de trabalho de Miller está em mensagens enviadas por ele à advogada Esther Flesch, que o levou para o escritório Trench Rossi Watanabe. Quando participou da reunião sobre a delação, ele ainda estava na PGR.

Aécio foi grampeado por Joesley em 24 de março. Na conversa, pediu R$ 2 milhões ao empresário. Neste dia, Miller disse ter trabalhado 12h para a JBS. Naquele mês, quando ocorreu a maioria das gravações dos delatores, o ex-procurador registrou um total de 149,5 horas dedicadas ao grupo.

“A defesa de Marcello Miller esclarece que ele não orientou pessoa nenhuma a fazer tais gravações, nem soube que elas seriam feitas”, disse a assessoria do ex-procurador em nota. “As atividades preparatórias de Miller no período não envolveram qualquer gravação”.

Painel Folha

 

 

 

 

20
fev

VAIVÉM DE TEMER DEIXOU SEU GOVERNO SEM NEXO

O brasileiro vai descobrindo aos poucos que, sob Michel Temer, o governo pode ser a favor de tudo ou absolutamente contra qualquer outra coisa. Até a semana passada, o Planalto dizia que era indispensável aprovar a reforma da Previdência. Sob pena de ocorrer um Apocalipse nas contas públicas. Nesta segunda-feira, dia em que ocorreria a votação da emenda salvadora, o Planalto colocou sua infantaria legislativa a serviço da aprovação do decreto de intervenção na segurança do Rio de Janeiro. Um decreto que levará o governo gastar um dinheiro que diz não ter.

Falta lógica. O Temer austero de ontem, defensor intransigente da reforma da Previdência, pode ser o Temer perdulário de hoje, apologista da agenda da segurança pública. E nem os mais convictos defensores do presidente podem assegurar que o país está a salvo do vice-versa. Num país em crise como, o Brasil, há muitos problemas agudos, como o da Previdência e o da segurança. Mas não será possível combatê-los sem uma noção qualquer de organização e método.

Todos dizem que a intervenção no Rio exige dinheiro extra. Quanto? Ninguém sabe. O ministro Henrique Meirelles, da Fazenda, leva o pé à porta. Lembra que os gastos do governo já bateram no teto. E avisa: verba extra, só se for remanejado de outras áreas. De onde: Saúde? Educação? O governo perdeu o nexo. Sem votos para consertar a Previdência, ambarcou no populismo da segurança. Temer passou a governar o país como uma dona de casa maluca -do tipo que guarda sal numa lata de açúcar onde está escrito pimenta.

Josias de Souza

20
fev

CÂMARA APROVA DECRETO DE INTERVENÇÃO FEDERAL NA SEGURANÇA DO RIO

A Câmara dos Deputados aprovou na madrugada desta terça-feira, 20, o decreto que autoriza a intervenção federal na Segurança Pública do Rio. A matéria segue agora para o Senado, que deve apreciá-la ainda nesta terça.

Esta é primeira vez que o Congresso analisa uma matéria como essa desde a vigência da Constituição de 1988. O texto foi aprovado por 340 votos a favor, 72 contra e 1 abstenção.

Por se tratar de um decreto presidencial, a intervenção já está em vigência. Coube ao plenário apenas dizer se aceitava ou revogava a decisão tomada pelo governo, sem ter o direito de fazer modificações no mérito da proposta.

Estadão Conteúdo

19
fev

KELPS SOLICITA AÇÕES ESTRUTURANTES DO GOVERNO DO ESTADO PARA MUNICÍPIOS DO RN

O deputado estadual Kelps Lima (SDD) solicitou ao Governo do Estado, por meio de requerimentos apresentados na Assembleia Legislativa, uma série de medidas que contemplam os municípios de Apodi, Martins, Goianinha, Espírito Santo, Itajá, Acari e Jardim de Seridó. Os pedidos são nas áreas de recursos hídricos, infraestrutura e manutenção de rodovias.

“A constante falta de água nos municípios vem trazendo sérios prejuízos para toda a população”, disse o deputado ao justificar a perfuração de um poço tubular na comunidade de Baixa Fechada 2, em Apodi, e outro no hospital do município de Martins.

Kelps Lima também solicita a construção de uma ponte sobre o Rio Jacú, entre Goianinha e Espírito Santo, visando atender as comunidades de Miranda, Barrocas, Anacé e Malhadinha. “É de suma importância para os municípios de Goianinha e Espírito Santo, pois facilitará o escoamento das produções agrícolas e o deslocamento de populares residentes na zona rural dos dois municípios”, argumentou.

Por fim, ele pede o recapeamento da estrada que liga a barragem Armando Ribeiro ao município de Itajá e a recuperação asfáltica da rodovia federal BR 427, que liga o município de Acari a Jardim de Seridó. O grande fluxo de veículos e a prevenção de acidentes são as justificativas apresentadas pelo parlamentar.

19
fev

NÉLTER REITERA PLEITOS POR INVESTIMENTOS EM INFRAESTRUTURA RODOVIÁRIA NO RN

Por meio de requerimentos apresentados na Assembleia Legislativa, o deputado Nélter Queiroz (PMDB) reiterou antigos pleitos ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e ao Departamento de Estradas de Rodagem do Estado (DER-RN). As requisições objetivam melhorias e investimentos em equipamentos rodoviários no interior do Rio Grande do Norte.

Dentre os pleitos, o parlamentar voltou a requerer ao Dnit a recuperação asfáltica da BR-407, no trecho que compreende os municípios de Currais Novos, Acari, Jardim do Seridó, Caicó e Serra Negra do Norte, até a divisa com a Paraíba.

Ainda na pauta de requerimentos, consta a recuperação asfáltica da BR-226, entre as cidades de Currais Novos e Campo Grande, contemplando também os municípios de Jucurutu e Triunfo Potiguar, onde, segundo o documento, as condições de tráfego estão mais comprometidas. Também em Jucurutu, o deputado volta a requerer a construção de uma passarela entre os bairros Freitas e Bela Vista.

Com relação à BR-226, Nélter Queiroz sugere ainda que haja entendimento entre o Dnit e o DER para que a administração da via, no trecho entre Currais Novos e Florânia, retorne aos cuidados do Dnit.

Para a BR-304, as solicitações do parlamentar buscam conferir maior segurança aos motoristas que trafegam pelo trecho da obra de restauração da ponte Felipe Guerra, entre os municípios de Itajá e Assu. Para tanto, o deputado solicitou ao Dnit e à Polícia Rodoviária Federal (PRF) que seja intensificada a iluminação e o patrulhamento policial na área. “É uma forma de oferecer proteção a todos que trafegam diariamente neste trecho”, justifica Nélter Queiroz.

Page 1 of 647